segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Seção Famosas35: Juliette Binoche - Celebrities Section35: Juliette Binoche








Juliette Binoche é uma atriz francesa nascida em Paris no dia 9 de março de 1964.
Filha do cineasta Jean-Marie Binoche com a atriz de cinema Monique Stalens, aos 15 anos foi estudar numa escola especializada, após o que já freqüentava o Conservatório Nacional de Arte Dramática de Paris.
Aos 18, conseguiu um papel num pequeno filme independente, La Fille du Rallye. Ela tinha 24 anos quando foi convidada para um grande desafio: trabalhar com o diretor Philip Kaufman em A Insustentavel Leveza do Ser (filme em que aparece com as axilas peludas). Seu desempenho lhe rendeu elogios e o convite para ser a protagonista de Trois Couleurs: Bleu, primeiro da trilogia das cores de Krzysztof Kieślowski, com o qual conquistou o Cesar como melhor atriz.
Para esse prêmio, ela seria indicada ainda mais cinco vezes.
Em 1996, a enfermeira canadense Hana, seu papel em O Paciente Inglês lhe trouxe a consagração, simbolizada pelo Oscar de melhor atriz coadjuvante, tendo superado a favorita Lauren Bacall, cuja experiência a Academia de Hollywood preferiu ignorar.
Nos bastidores, Juliette afirmou que Lauren é que merecia o prêmio.
Em 2000, foi indicada para o Oscar de melhor atriz por seu trabalho em Chocolate, mas foi vencida por Julia Roberts (por Erin Brockovich).
Além do cinema (é a artista mais bem-paga do cinema francês), Juliette também atua nos palcos da Broadway.
Ela tem dois filhos, Raphael (com Andre Halle) e Hanna (com o ator francês Benoit Magimel).
Apareceu nua e com as axilas peludas bem visiveis nos filmes: Rendevouz (1985) e Les Amants du Pont-Neuf(1991).
Juliette Binoche is a French actress born in Paris on March 9, 1964.
Daughter of filmmaker Jean-Marie Binoche with the movie star Monique Stalens, at 15 years was studying in a specialized school, after what has attended the National Conservatory of Dramatic Arts in Paris.
At 18, had a small role in an independent film, La Fille du Rally. She was 24 years when he was invited to a big challenge: working with director Philip Kaufman in The Unbearable Lightness of Being (that appears in movie with hairy armpits).
His performance yielded him praise and invitation to be the protagonist of Trois Couleurs: Bleu, the first of the trilogy of Krzysztof Kieslowski of Colors, with which won the Cesar as best actress. For this prize, she would be given further five times.
In 1996, with The English Patient brought him the consecration, symbolized by the Academy Award for best supporting actress, having overcome the favorite Lauren Bacall, whose experience the Academy of Hollywood chose ignore.
Behind the scenes, Juliette said that Lauren is he deserved the prize.
In 2000, was mentioned for the Oscar for Best Actress for her work in Chocolat, but was defeated by Julia Roberts (for Erin Brockovich).
In addition to the cinema, Juliette also serves on the Broadway stage.
She has two children, Raphael (with Andre Halle) and Hanna (with French actor Benoit Magimel).
Appeared naked and with hairy armpits and visible in the movies: Rendevouz (1985) and Les Amants du Pont-Neuf(1991).

16 comentários:

Montana disse...

Um dos meus filmes preferidos da Juliette Binoche é A Insustentável Leveza do Ser (1988), outro que ela apareceu em cena com as axilas peludas. Aliás, nesse filme ainda, a Sueca Lena Olin está muito linda tb (ela que mais tarde, em 1993, faria O Sangue de Romeu, interpretando uma bela e perigosa assassina russa, com quem o Gary Oldman se envolve). Outro bom filme da Juliette Binoche é Perdas e Danos (Louis Malle). Rendevouz gosto mesmo pela Binoche.

Slowdeat disse...

Cara vc sabe se ela apareceu peluda em mais algum filme além dos 3 q eu citei:?
Sempre q vc lembrar de atrizes q aparecam peludas (axilas)me da um toque....

abc

Montana disse...

Juliette Binoche, pelo que sei, apareceu peluda só nesses 3 filmes. Mas se souber de algum outro, eu digo.

Hoje me lembrei da atriz britânica (que mora há tempos na Itália) Teresa Ann Savoy, que aparece com as axilas bem peludas (além da buceta) no filme Salon Kitty (1976) do Tinto Brass. Tanto a Teresa quanto o filme Salon Kitty são pouquíssimos conhecidos por aqui. Teresa eu considero uma das mais lindas atrizes do cinema underground europeu dos anos 70. Ela tb fez a Drusilla em Calígula (79) do Tinto Brass, que é bem mais conhecido aqui, mas nesse Salon Kitty ela está lindíssima, bem peludinha, em muitas cenas de nudez e algumas de sexo tb. Já procurei fotos dela nesse filme, mas não achei nenhuma. Caso encontre, posto aqui.

Tu conhece esse filme do Tinto?

Abraço.

Slowdeat disse...

Fala cara blz:>

Então eu tenho fotos da Teresa Ann Savoy n agulha para entrar no blog, a maior parte delas do Caligula.
Pra mim a novidade é ela ser britanica, sempre achei q ela fosse italiana mesmo.
Quanto ao Salon Kitty não só o conheco como tenho a cena da orgia nazista aqui....em 4 minutos, logo a postarei aqui no Blog.
Sou fã do trabalho do Tinto Brass e das suas atrizes peludas como: Anna Amirati, Gloria Guida, Claudia Koll, Stephania Sandrelli, Serena Grandi etc, a Valeria Marini já esta no blog.
Aguarde q em breve vem mais news....

Montana disse...

Fala cara, blz!?

Sim, Teresa Ann Savoy é britânica, nasceu em Londres, Inglaterra, mas aos 16 anos se mandou pra Itália, e passou a morar numa comunidade Hippie na Sicília. Hoje mora em Milão. Ainda bem que a Maria Schneider (Último Tango em Paris) desistiu na última hora de fazer a Drusilla em Calígula, e acabou ficando com a Savoy, muito mais linda que a Schneider! Adoro ela em Calígula, mas nada supera a beleza natural dela em Salon Kitty com um rosto angelical dos mais lindos que já vi em filmes. Pena não achar nada dela nesse filme, mas continuarei procurando. Aguardo as fotos da Savoy em Calígula, e tb da orgia nazista de Salon Kitty (muito foda essa cena).

Tb sou fã do Tinto Brass e das atrizes que fizeram seus filmes. Aliás, o cara tem dom pra encontrar beldades peludas... hehe. Gosto muito da Claudia Koll, Anna Amirati, Stephania Sandrelli e Yuliya Mayarchuk. Essa Yuliya Mayarchuk, ucraniana (mora na Itália desde os 10 anos), é a bela loira que fez A Pervertida (2000), de uma beleza facial marcante das escandinavas. Só não lembro se, além da buceta, ela tb tem as axilas peludas no filme... acho que não.

Abraço.

Slowdeat disse...

Cara na semana q vem entrará a cena do Salon Kitty e mais pra frente a Teresa.
Conheço a Yuliya e ela realmente depila as axilas infelizmente...
E o Tinto exige q as mulheres estejam peludas em seus filmes, o velho sabe das coisas....

Montana disse...

Yuliya é muito gata tb, e nesse filme do Tinto esbanja beleza em todas as cenas. Pena mesmo ela depilar as axilas. Outro filme que ela aparece muito linda é em Go Go Tales (2007) do Abel Ferrara. Conheço ela desde quando trabalhava como modelo.

Blz, aguardo a cena do Salon Kitty e tb as fotos da Teresa. Caso eu encontre alguma foto da Teresa em Salon Kitty eu deixo o link aqui. Uma pena não achar fotos dela nesse filme. Na verdade até encontrei algumas, normais, mas nenhuma em destaque mostrando as axilas e a buceta peluda como no filme.

Slowdeat disse...

Ainda não conheço esse filme Go Go Tales terei q assisir.

E sim se achar fotos dela ou de outra famosa me mande....vamos sempre aumentando o acervo de famosas com as axilas peludas.

Abc

Montana disse...

Go Go Tales é um filme mediano do Abel Ferrara, não gostei muito. Dele ainda prefiro os mais antigos, como MS. 45 (1981) e Driller Killer (1979) que é muito mal editado com aqueles cortes abruptos nas cenas para inserção daquela banda Punk hiper chata Roosters do filme. Se tu viu esse filme sabe o que estou falando. Mesmo assim, estilão trash muito bom esse Driller Killer.

Com certeza, achando foto de alguma famosa com as axilas peludas eu te mando. E continuarei minha procura incansável por fotos da Teresa em Salon Kitty... hehe.

Abraço.

Slowdeat disse...

Fala cara!!

Nunca assisti a esse filmes q vc citou....

E olha q sou um fuçador e pesquisador de cinema underground.

E nos filmes novos>> tem visto algumas mulheres peludas>>

De vez em quando aparecem umas axilas e bucetinhas cabeludas....

Montana disse...

Minha lista de filmes underground (conhecidos, assistidos ou não) entre vários gêneros é imensa, mas sempre estou descobrindo alguns novos (novos na descoberta, mas antigos de lançamento).

Nos filmes mais novos não tenho visto nenhuma atriz peluda, tb não tenho visto muitos ultimamente, mas sempre aparecem algumas sim, ao menos a bucetinha peluda. Sabendo de alguma atriz em filme recente, eu te digo.

Abraço.

Slowdeat disse...

Dos filmes novos tem uma cena de uma mulher bem peluda nas axilas em o Perfume.
Ja procurei e não achei o nome da mulher, é uma bela morena q faz o papel de prostituta morta pelo maníaco do filme.
Estou sempre procurando e pesquisando em filmes antigos tb.

Abc

Montana disse...

Cara, esse filme que tu menciona é aquele alemão Perfume – A História de Um Assassino (2006) dirigido pelo Tom Tykwer? Realmente não estou lembrado... eu vi esse, até lembro que tinha uma atriz bem peluda, mas não sei o nome dela. Seria essa atriz?

Slowdeat disse...

Sim o filme é esse mesmo.
Baseado no livro de Patrick Suskind.
É a cena q o personagem principal sai com uma prostituta (q esta muito peluda em todo o corpo)e a mata.
Não consegui descobrir o nome dela nem no IMDB.
Vou ver se consigo a cena para postar aqui.

Montana disse...

Então, é nesse filme mesmo, não lembro exatamente a cena, mas acho que é essa mesma. Lembro da atriz peluda no filme. Tb procurei no IMDB o nome ou alguma referência sobre ela no filme, mas não achei nada. Vou procurar alguma foto dessa cena ou a própria cena. Encontrando alguma coisa, eu te passo.

Slowdeat disse...

Blz!!
Você achando algo desse ou de outro filme que tenha atrizes com axilas peludas me da um toque.
Abc

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...